5 dicas para fazer uma newsletter show

Confira dicas para fazer uma newsletter mais eficiente.

Independentemente do seu ramo de negócios, o e-mail marketing é uma ferramenta quase universalmente utilizada, devido à sua versatilidade e alta taxa de conversão.

Hoje, falaremos sobre um tipo específico de conteúdo enviado por e-mail: a newsletter. Basicamente, é um informativo que pode exercer vários papéis para o seu negócio, incluindo entregar conteúdos ricos, engajar sua base ou até mesmo converter seus leads em clientes.

Continue a leitura para entender mais sobre o potencial dessa ferramenta e ainda aprender dicas de como criar uma news eficiente!

Qual é o objetivo de uma newsletter?

Podendo ser mensal, semanal ou até mesmo diária, a newsletter comumente possui o papel de entregar novidades sobre a sua empresa, as atividades que acontecem nela, o lançamento de produtos, a agenda, enfim, tudo de novo que é relacionado ao seu negócio.

Existem também as news que vão além, fazendo um trabalho semijornalístico de apresentar as novidades do ramo ao qual a sua empresa está inserida, ou ainda as que criam conteúdos e ofertas exclusivas para assinantes.

Seja qual for a abordagem, o objetivo é criar um canal de comunicação periódico entre a sua marca e o público, mantendo-o informado, mas também atento às mudanças e novidades atreladas à sua marca.

O público que assina uma newsletter busca conteúdo exclusivo. Por isso, é importante que você, em parceria com a sua agência ou departamento de marketing, esteja preparado para entregar exatamente isso. Se não, vai ser impossível manter o interesse dos seus leitores.

Como criar uma newsletter de sucesso?

1. Pesquise conteúdo

A relevância das informações que são apresentadas em uma newsletter tem direta relação com o interesse dos seus leitores. Sendo assim, é importante que você realize uma extensa pesquisa antes de publicar a sua news, se concentrando em encontrar temas que estão em pauta no momento.

Apesar de trabalhosa, a pesquisa de conteúdo tem outra consequência importante para a sua empresa: ela demonstra que você tem autoridade no assunto. Falar com propriedade e entregar informações úteis gera uma representação positiva da sua marca e ainda pode levar seus leitores a compartilharem seu conteúdo, encaminhando sua news para colegas de profissão, amigos e sócios.

Gerar um conteúdo que cai na boca do povo pode ser um grande passo para suas estratégias digitais, especialmente se você está começando agora e ainda precisa angariar o máximo de assinantes possível, por isso, não pule essa importante etapa.

2. Invista em design

Uma boa formatação pode fazer maravilhas para a taxa de cliques do seu e-mail. A aparência, o uso de imagens ou gifs, a implementação de botões, tudo isso tem um papel importante na hora de fazer uma newsletter interessante.

Existem alguns templates prontos para quem procura começar, mas o ideal é que a newsletter seja uma extensão da sua marca. Por isso, é interessante que você invista em produzi-la de acordo com seu guia visual, com uma identidade que reflete a personalidade da sua empresa.

Você pode fazer isso contratando uma agência de marketing digital ou ainda internamente, se tiver um time preparado para a programação de e-mails, mas, independentemente da sua escolha e acima de tudo, é importante que sua news seja agradável de ler, bonita e com design eficiente – e isso inclui a adaptação do seu e-mail para acesso pelo smartphone.

Empreendedora procurando dicas para fazer uma newsletter mais eficiente.

3. Seja pessoal

A newsletter não é um e-mail comercial ou de oferta. Ela tem um propósito mais informal e didático. Sendo assim, faz sentido que você escolha uma abordagem mais próxima na hora de desenvolver seu conteúdo.

Por exemplo: sabe-se que a taxa de abertura de e-mail é maior quando eles são enviados por um perfil pessoal. Da mesma forma, você pode estender essa ideia falando diretamente com o leitor, num formato mais de carta, com apresentação e despedida.

A newsletter já tem o papel de mostrar as novidades sobre a sua empresa, então se você parar para pensar nas pessoas que assinaram, vai perceber que está conversando com gente que realmente tem o interesse de saber mais sobre o seu negócio.

Sabendo disso, não custa nada, então, dar mais acesso aos “bastidores” e atraí-las de uma forma mais descontraída e íntima, que pode ser trabalhada desde a estrutura do texto até o assunto do e-mail (apesar de que isso vai depender do tipo de público com o qual você está falando e é importante ter cautela no grau de proximidade).

4. Escolha um formato

Por via de regra, uma newsletter tem uma proporção de 90% para 10% entre conteúdos informativos e ofertas. Esse equilíbrio é importante para distinguir a news de um e-mail comercial comum e, assim, garantir que os seus leitores não fiquem desconfiados de estar lendo uma propaganda gigante em forma de texto.

Alguns especialistas indicam que o ideal é que a sua newsletter tenha apenas um CTA, para direcionar com clareza a ação que você pretende converter, sem distrair os seus assinantes com outros tópicos e links que vão tirá-lo da leitura.

Aí entra o formato da news, ou seja, o jeito como o texto e as notícias são estruturados para guiar o leitor pelo conteúdo. Não existe receita de bolo aqui e, para que a sua newsletter tenha sucesso, você vai precisar estudar exatamente quais ações deseja que sejam realizadas, qual a prioridade delas e qual a melhor forma de fazer acontecer.

A estrutura da formatação ajuda também com a clareza e o foco do conteúdo. Você pode, por exemplo, separar a news em segmentos distintos, como novidades, agenda, eventos, promoções… O que der na telha e for relevante para o seu negócio.

No entanto, é importante que essa estrutura tenha consistência e, novamente, reflita a identidade da sua marca. Se não, seus assinantes vão ficar perdidos, sem entender o propósito do conteúdo e sem saber o que esperar da news do mês/semana/dia seguinte.

5. Analise tudo

E-mails são alvos fáceis para análise de dados. Aproveite isso e realize vários testes A/B conforme for produzindo os conteúdos para a sua news.

Assim, você vai ter uma visão mais estratégica do que funciona e vai poder adaptar e focar seus esforços em criar conteúdo que realmente engaje seus clientes, gerando altas taxas de abertura, cliques e conversões.

Realize experimentos e, com um bom gerenciador de e-mails (e uma agência profissional), registre tudo. Amplie o escopo e leve essas informações para a sua estratégia digital.

Os pontos que apresentamos aqui são um bom começo para quem quer fazer uma newsletter, mas, se você não tem uma equipe de marketing interna na sua empresa, nós recomendamos que procure uma agência especializada no assunto.

Esperamos que nosso conteúdo tenha sido útil. Para mais dicas, confira nossas mídias sociais!

Até a próxima!

Andressa Prates

Andressa Prates

Quando se formou em Jornalismo, o sonho da Andressa era trabalhar no falecido site Ego (de celebridades e fofocas). Mas se encontrou em uma agência de Marketing Digital, onde pode colocar em prática sua paixão pela escrita, cercada de gente tão louca quanto ela. Além de escrever, Andressa gosta de música, séries e pipoca com leite condensado. Nós também!