Como utilizar o LinkedIn no mercado B2B

Vendas complexas entre empresas levam tempo e investimento. E se você trabalha nesse segmento, já deve ter percebido como grandes referências utilizam o LinkedIn para expandir seus contatos, destacar a sua marca e, o mais importante, gerar resultados.

Mas, afinal, qual é o segredo da plataforma? Neste artigo, vamos explicar por que o LinkedIn é uma ferramenta tão boa para marketing e vendas no mercado B2B, quais as funcionalidades que existem na plataforma e como começar sua própria estratégia nessa mídia social. Confira!

Qual é o impacto do LinkedIn no mercado B2B?

Diferente das mídias sociais mais comuns, o LinkedIn é utilizado estritamente para negócios e relacionamentos profissionais. Sendo assim, ele é a mídia social ideal para negócios B2B, já que a natureza da plataforma funciona como um filtro que segmenta seus usuários por ramo, cargo e departamento, facilitando o trabalho do departamento de marketing e vendas.

Além disso, o LinkedIn é muito amigável com estratégias de marketing eficientes no processo de vendas, como marketing de conteúdo, funil de vendas, CRM e muitas outras que a tornam a escolha certa para esse tipo de negócio.

Quais são as funcionalidades que existem no LinkedIn?

O LinkedIn não tem medo de se vender. Ele é uma plataforma feita para potencializar bons negócios e, sendo assim, possui à disposição várias ferramentas que o tornam ainda mais atrativo para quem procura crescer no mercado B2B.

LinkedIn Sales Navigator

A primeira delas é a ferramenta de vendas do próprio LinkedIn. Com ela, você pode encontrar prospectos e decisores com facilidade, baseado no produto que a sua empresa oferece.

Você também pode enviar mensagens automatizadas para realizar o primeiro contato com seus possíveis clientes, além de poder realizar análises de leads, com banco de dados e integração com CRM.

Company Page

A página da sua empresa pode ser o ponto central da sua estratégia. É com ela que a sua agência de marketing digital irá desenvolver ofertas e anúncios, captando a atenção de possíveis clientes e criando uma identidade e posicionamento para a sua marca.

No entanto, lembre-se, se você quer realizar vendas, o contato pessoal ainda deverá acontecer. Por isso, é importante que você não esqueça de interagir com outros usuários, criar discussões e proporcionar o engajamento dos seus seguidores. Afinal, o LinkedIn ainda é uma mídia social.

Grupos

Independentemente do seu segmento, no LinkedIn existem vários grupos de debates entre especialistas e pessoas que buscam informações pertinentes sobre suas dores e necessidades no ramo.

Aqui mora uma boa oportunidade para a sua empresa mostrar o potencial da sua solução, entregando um conteúdo rico, que informe e ajude na jornada de conhecimento do seu prospecto até o momento que ele esteja preparado para fechar negócio.

É bom lembrar que grupos são comunidades pessoais, que muitas vezes não aceitam conteúdo comercial dentro do seu domínio, mas isso não quer dizer que o seu negócio não pode gerar resultados positivos, entregando informação e, em troca, criando novos relacionamentos e conexões.

LinkedIn Ads

De forma similar ao Facebook Ads, o LinkedIn Ads permite que a sua empresa crie anúncios e potencialize o alcance de publicações estratégicas para o seu marketing digital, com a diferença de que a segmentação aqui pode ser realizada baseada nas informações profissionais do seu público-alvo.

Os formatos dos anúncios variam desde mensagens enviadas diretamente, anúncios internos no feed, impulsionamento de conteúdo ou até anúncios dinâmicos ou em display (apesar de que esses dois últimos são específicos para empresas com pacotes corporativos).

Como gerar resultados

Agora que você sabe quais ferramentas estão à sua disposição no LinkedIn, está na hora de estabelecer uma estratégia de marketing. Cada empresa tem as suas particularidades e, sendo assim, não existe uma fórmula pronta, mas nós vamos mostrar algumas opções que podem ser viáveis para você.

Endomarketing

Uma equipe de colaboradores que acredita na sua empresa pode ser uma carta na manga para a sua estratégia de marketing digital no LinkedIn. Com o auxílio deles, você pode expandir o seu leque de influência, criando conteúdo que interage com os funcionários da sua empresa e que chame conexões para descobrir mais sobre o seu negócio.

Uma forma interessante de desenvolver ações de endomarketing é com a criação de eventos, nos quais você poderá marcar os colaboradores participantes, divulgar sua marca e ainda solidificar a sua posição como um desenvolvimento positivo no seu setor.

Marketing de conteúdo

O LinkedIn sabe como empresários gostam de conteúdo em texto. Por isso, a rede tem sua própria plataforma para o compartilhamento de artigos de opinião e jornalísticos, que podem ter um papel estratégico no marketing de conteúdo do seu negócio.

Seja na divulgação do seu blog interno ou com a criação de matérias por parte de colaboradores, o uso das funcionalidades para produção e compartilhamento de conteúdo do LinkedIn são ideais para quem procura mover leads por funis de vendas complexos.

Anúncios

Quem é visto, é lembrado. Então não dá para simplesmente ignorar o papel dos anúncios na sua estratégia de marketing digital. Não importa se você está compartilhando imagens, vídeos ou links para o seu site, sem o impulsionamento segmentado, você está desperdiçando oportunidades.

Os anúncios no LinkedIn Ads são particularmente importantes no início da sua estratégia, já que será por eles que a sua empresa vai conseguir aparecer no mercado e encontrar prospectos fora da sua rede de contatos.

Claro, é necessário cautela, afinal, o seu ticket médio, o custo por captação de cliente e o ROI devem estar bem calculados antes de você decidir abrir a carteira e investir em anúncios.

Se você vai incluir uma ou todas essas ferramentas para a elaboração de uma estratégia de endomarketing, acima de tudo, fique atento à qualidade do conteúdo que a sua empresa está produzindo.

Consistência, identidade, valores, proficiência. Tudo isso vai afetar o resultado final. Por isso, se você não tem uma equipe capacitada, que é especialista no assunto, nós recomendamos que você busque a parceria de uma agência de marketing digital antes de entrar nessa empreitada.

Esperamos que este artigo tenha sido útil para você. Se quiser saber mais sobre estratégias digitais, confira o nosso blog ou as nossas mídias sociais, nas quais compartilhamos dicas todas as semanas.

Até a próxima!

Oodles

Oodles